18 set 2012
15 Comentários
Limpeza da Casa

Como treinar a empregada doméstica

Segundo dados do IBGE, temos trabalhando hoje, cerca de 100 mil domésticas a menos nos últimos dois anos. A escassez de mão de obra de empregados para o lar, leva o atual empregador a investir mais no seu funcionário. Foi pensando nisso, que nesse final de semana, fiz um curso muito legal sobre “Treinamento de empregadas para organizadores profissionais”. Um curso muito interessante e útil ministrado pela queridíssima Personal Organizer Irene Loureiro em parceria com a OZ Organize! O curso nos dá uma ideia real de como lidar e treinar estas profissionais, proporcionando maior eficiência no seu trabalho e maior satisfação para os empregadores.

 

Para haver um equilíbrio e resultados satisfatórios entre empregadas e empregadores, separei algumas dicas para ajudar nesta empreitada. Se preferir, contrate o serviço de uma Personal Organizer especializada para dar um treinamento completo em domicílio:
Serviços combinados no contrato de trabalho. Antes de qualquer coisa, é preciso combinar e definir com a empregada, quais atividades que você quer que ela execute na casa como, por exemplo:
– Preparar o café da manhã
– Cozinhar o almoço e o jantar
– Lavar
– Passar
– Faxinar e fazer a manutenção da limpeza da casa
– Fazer apenas a manutenção da limpeza da casa
– Fazer apenas a faxina da casa
– Cuidar do cachorro (dar comida, levar para passear, etc)
– Fazer compras de supermercado, açougue, outros.
– Cuidar das crianças
– Outros
Carga horário de trabalho. Após acertar as tarefas da empregada, defina o horário de trabalho, chegada e saída. Tome cuidado para não dar muitas funções em poucas horas de trabalho. Não há empregada que dê conta do serviço com qualidade, tendo muitas tarefas à executar em pouco tempo.
 
Rotina de trabalho. A rotina de trabalho é um dos pontos chaves para o sucesso e qualidade do serviço. Organize a rotina baseado nas tarefas escolhidas. Para ajudar, separe os dias programados (limpezas com intervalos semanais, quinzenais e assim por diante) das tarefas diárias (tarefas que se repetem todos os dias). Crie o seu checklist com as tarefas programadas e diárias e fixe na lavanderia. Liste todas as tarefas domésticas que devem ser executadas com o máximo de detalhes possíveis. Se sua empregada cozinha, tenha em mente que preparar o alimento, cozinhar e depois limpar a cozinha levará um tempo maior. Leia também o link: “Organizandoa rotina doméstica”. 
Execução do serviço: Para haver um serviço de qualidade e sua empregada trabalhar feliz, equipe sua lavanderia com produtos e itens adequados para a limpeza como:  baldes com alça, rodo, vassouras, panos diversos, escovas, luvas, produtos de limpeza e lavagem de roupas, mesa e ferro para passar roupa, varal de teto ou piso e máquina de lavar funcionando em ótimas condições. Outra dica é reservar um tempo para acompanhar sua empregada e assistir como ela executa cada tarefa. Corrija o que estiver errado.
Comunicação. Um dos maiores problemas de relacionamento entre empregadas e empregadores é a falta de comunicação. Converse, mostre ou escreva as tarefas com calma e paciência. Se o serviço não estiver agradando, a melhor solução é verificar com ela o que pode mudar ou melhorar, desta forma você descobre e entende o que está dando errado no serviço.

Etiqueta de comportamento. Na minha opinião, o comportamento da empregada na casa, faz muita diferença na execução do serviço. Defina como sua empregada deve se comportar durante o trabalho:

Celular ou fone de ouvido- para haver um serviço de qualidade, a empregada deve se concentrar no que está fazendo. Se ela fica falando ou mandando mensagens no telefone toda hora, não vai desempenhar um ótimo trabalho. Combine que telefone é para uso somente em caso de emergência.
Cigarro- fica o seu critério, mas analise: para fumar um cigarro leva 5 minutos. Se ela fuma cinco cigarros durante o trabalho, serão 25 minutos perdidos. Para limpar um banheiro, leva mais ou menos este tempo. Coloque na balança…
Imagem pessoal- defina com ela sobre a sua aparência, cabelos (presos ou soltos), mãos (com ou sem luvas) e vestuário (uniforme).
Regras da casa. Estes itens são muito importantes para serem definidos com ela:
Como atender telefone e anotar recados.
Como proceder diante de imprevistos, consultas médicas, problemas com locomoção.
Como atender convidados e prestadores de serviço.
Como se comportar em relação ao consumo de alimentos na residência.
Regras para segurança de dados confidenciais da família.
Como preservar o patrimônio do seu empregador.

Elogie. Quem não gosta de receber elogios quando faz tudo certinho? Um simples elogio, pode mudar a relação com a empregada para melhor.


Fonte: material de apoio da Oz Organize! (www.organizesuavida.com.br)
Gostou? Compartilhe:
15 Comentários
Deixe seu comentário
* Não será divulgado
Para usar avatar, cadastre-se com seu email em gravatar.com

15 Comentários
  1. BOM DIA RAFAELA !!

    VENHO POR MEIO DESTA LHE CONVIDAR A CONHECER MINHA PAGINA , http://brechodosul.com.br, SERÁ UMA HONRA TER VOCÊ COMO SEGUIDORA E LINKARMOS SE VOCÊ QUISER , ESTA DE PARABÉNS LINDA PAGINA , DESCULPA A LETRA GRANDE MAIS SOU DEFICIENTE OK!!

    AGUARDO SUA RESPOSTA PARA FAZER O MESMO

    OBRIGADA
    MARCIA REGINA

    • Ola Marcia! Claro vou conhecer sim e obrigada pela visita e comentario, volte sempre que puder, bjinhos

  2. Ótimas dicas no seu blog, adorei!!!

    Abraços e ótima semana.

  3. Rafaela adorei vir conhecer seu blog, foi através da minha amiga Carol de Santos que é Personal Organizer, fizemos curso juntas em São Paulo. Agora serei sua seguidora. Beijinhos.

    • Oi Vânis que legal, fizemos o curso juntas este final de semana. Muito obrigada e qualquer sugestao é só dar um tok, boa sorte pra vocês ai, agora poderemos trocar figurinhas rs, bjinhos

  4. Querida Rafaela, você está fazendo realmente um ótimo trabalho, seu material agora é citado em todos os cursos que dou em Curitiba como exemplo de bom conteúdo. O curso tem o objetivo de dar suporte às organizadoras para o treinamento da empregada em domicílio,e você demonstrou isso com clareza na matéria.
    Agradeço em meu nome e da OZ!Organize sua Vida a divulgação do nosso trabalho.
    Abraços,
    Irene Loureiro
    Benfatto

  5. Oi, Rafaela, vi seu comentário lá no meu blog, obg pela visita.Estou aqui p/ convida-la a seguir-me:decorandoeprojetando.blogspot.com.br
    Adorei o seu e já estou te seguindo, bjs Vânia Araújo!!!

  6. Treinar a empregada é realmente muito dificil. Boas dicas!!

  7. Soraia

    Gostei muito das suas dicas! Sempre bem oportunas para quando as diaristas somem e temos que dar conta das atividades que não estamos tão acostumadas. Muito obgda! Continuarei visitando sempre!!!

  8. Adorei o Blog, parabéns!

  9. Oi tudo Bem? Eu Moro em uma Casa que não ha um banheiro separado para a empregada, e gostaria de saber se é errado eu não querer que a empregada deixe os pertences pessoais no meu banheiro de visita, como cremes, escova de dentes. Não tenho um aposento para a empregada, a minha mãe que mora comigo não vê problema algum, já eu não gosto quando vou ao banheiro e vejo em cima da pequena pia, as coisas dela. Estou errada?

    • Olá Carol tudo bem? Acho que não tem problema não, mas se incomoda vc, sugiro colocar seus pertences dentro de organizadores fechados ou não, ou até mesmo decorativo, assim verá algo decorando seu banheiro e vc fica tranqüila, o que acha? Bjinhos

  10. Minha funcionária já está comigo a sete anos mas agora. Ela acha que é a dona da casa reclama com a faxineira sobre mim acha que trabalha demais e que eu tenho que ajudar sendo que além dela tenho uma faxineira duas vezes por semana ela nao trabalha aos sábados vive no tel tem dois aparelhos isto sem contar quando o marido liga em minha casa para falar com ela e quando ela atende seu celular fala muito alto solta até puns dentro de casa e perto de quem quer que seja eu não aguente mais e o pior é ela continuar achando que não sei de seus comentários a meu respeito ela te acha que as férias deverão ser todo mês de outubro para ela ir para praia e falta demais ao trabalho e acha ruim quanto pergunto pelo atestado médico fiz uma cirurgia e estou com o pé sem cicatrizar ela reclamou com a faxineira que eu não a ajudo em nada achei um absurdo não sei p que fazer

    • Olá Adriana tudo bem? É uma situação muito delicada, mas pelo que parece, fugiu um pouco do controle. A conversa entre o empregador e o empregado sempre ajuda a pontuar diversas situações ou tarefas que não estão sendo cumpridas. Acho que poderia conversar e perguntar o por que as tarefas não estão sendo cumpridas. Mostre sua insatisfação com o trabalho dela e aproveite para perguntar se ela está feliz de estar ali. Faça um cronograma do que gostaria de que ela fizesse ao longo da semana e converse sobre a postura de trabalho, estipule prazos. Se ela não cumprir, pode ser que ela também esteja insastisfeita com o trabalho, aí não tem jeito, chegou a hora de procurar uma pessoa melhor para você e sua casa. Espero ter ajudado, boa sorte! Bjinhos